Sindicato dos Médicos do Ceará articulou a formação de cerca de 500 novos profissionais para atuar na linha de frente

Início » Sindicato dos Médicos do Ceará articulou a formação de cerca de 500 novos profissionais para atuar na linha de frente

Sindicato dos Médicos do Ceará articulou a formação de cerca de 500 novos profissionais para atuar na linha de frente

 In Sem categoria

Com 80 anos de atuação e referência em prol da valorização da categoria médica e da Medicina de qualidade, o Sindicato dos Médicos do Ceará foi decisivo para que cerca de 500 estudantes de medicina antecipassem sua formação e adentrassem na linha de frente do combate à Covid-19. Os dados são referentes ao ano de 2020 até 2021. 

A solicitação do Sindicato foi baseada na Medida Provisória (MP) n° 383, publicada pelo Ministério da Educação (MEC) e transformada em Lei em 2020, que possibilitou a colação de grau antecipada dos alunos de universidades desde que tenham cumprido 75% da grade curricular do internato. Entre os estudantes consagrados, estão os da 22° turma de Medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC), Campus Sobral, após determinação do magistrado Sérgio de Norões Milfont Júnior, Juiz Federal da 18ª Vara da Seção Judiciária do Estado do Ceará.  

“Diante da urgência e instabilidade quanto à saúde pública do país, nós temos consciência da nossa responsabilidade como Sindicato, pois as principais pautas da Instituição estão baseadas em garantir o fortalecimento da categoria. Considerada uma ação inédita no Estado, essa não é apenas uma vitória dos estudantes, mas, de toda a população cearense, que conseguiu contar com mais profissionais no enfrentamento do coronavírus”, pontua o Dr. Leonardo Alcântara, Presidente do Sindicato.

Além da antecipação da graduação, o Sindicato garantiu EPIs aos médicos no início da pandemia, para que pudessem atuar de forma tranquila e segura. Em seguida, conseguiu que médicos que participavam do grupo de risco pudessem ser afastados das suas funções, sendo essa uma das motivações para a formação dos estudantes.

Sobre o Sindicato dos Médicos do Ceará

Fundado em 1941, o Sindicato dos Médicos do Ceará é uma associação de profissionais que trabalha pela valorização da atividade médica e, consequentemente, pela melhoria contínua da saúde no Estado. Em parceria com as demais entidades representativas da categoria, o Sindicato está pautado por atribuições, são elas: reivindicar melhorias nas condições de saúde da população e buscar o fortalecimento do sistema público de saúde; representar os interesses gerais da categoria ou interesses individuais de filiados; celebrar acordos e convenções coletivas de trabalho e suscitar dissídios coletivos; colaborar como órgão técnico consultivo no estudo e solução de problemas relacionados com a categoria; e zelar pelo cumprimento da legislação, acordos e convenções coletivas de trabalho, sentenças normativas e demais institutos que assegurem direitos à categoria.

Recommended Posts